segunda-feira, 7 de junho de 2010

Quem fui e quem sou eu...(Adelino Pereira)

Nascido e criado na Aldeia da Relva - Monteiras – Castro Daire, descendente de família média vivendo do que as terras davam , dum rebanho de ovelhas e cabras, que pastoreei, atrás duma junta de bois, ali frequentei a escola Primária , 4ª classe inclusive, depois frequentei o Seminário, fiz a admissão à escola Industrial e Comercial Emídio Navarro em Viseu em 1957,estudando de noite e trabalhando em tipografia de dia. Aos 16 anos quis alistar-me como aluno Marinheiro na Armada e desde esse dia 13 de Março de 1961 que a servi até 1988. Cheguei ao ponto onde queria chegar, e o posto máximo devido à idade parou em Sargento Ajudante. Corri o Mundo todo, sempre embarcado em navios. O meu primeiro Teatro foi apresentado em Castro Daire, “O 31” em 1955. Depois em plenos mares e oceanos entretive muitos moradores da mesma” casca de noz.” Nos espaços de folga, o bichinho do Teatro e poesia acompanhou-me sempre em colectividades da zona de Sintra, em marchas populares, em festas de aniversário etc. Presentemente dirijo um Grupo de Animação Cultural e Recreativa – onde o Teatro e o Coral são Reis - Hoje continuo a “brincar” com as palavras e com elas rimando tentando fazer versos .. é a minha poesia... é o meu entretenimento tendo uma vida de reformado.
Estou a escrever em prosa uns rabiscos “ ENSINAR...É DAR TUDO” para fazer uma surpresa à minha Professora que esteve colocada 9 anos nas Monteiras.
Sou um ser cheio de “magia, sonhador, e amigo de toda a gente e babado por poder escrever estas linhas a uma amiga poetiza “filha da terra”, Dolores

1 comentário:

Jortas disse...

Conheço pouco do nosso Portugal, mas acredito que a Aldeia de Moção deve ser muito linda.
Parabens pelo seu trabalho em torná-la conhecida.